Como anda a pressão do seu olho?

  • Home
  • Blog
  • Como anda a pressão do seu olho?

Você não leu errado, há pressão dentro dos olhos e o aumento dela pode levar à cegueira causada pelo glaucoma. A doença é considerada a principal causa de cegueira irreversível no mundo e atinge no Brasil, de acordo com a Sociedade Brasileira de Glaucoma, cerca de 1 milhão de pessoas. A partir dos 35 anos é fundamental consultar um oftalmologista anualmente para medir a pressão intraocular. O glaucoma não tem cura, mas pode ser controlado.

O que é o glaucoma?

O glaucoma ocorre quando a pressão intraocular aumenta e danifica de maneira irreversível o nervo óptico. O aumento da pressão, geralmente, acontece quando há bloqueio do fluído no interior do olho.

Quando não há controle da doença, pode acontecer a perda da visão de forma permanente. É uma doença traiçoeira e silenciosa, por isso muitas pessoas só procuram ajuda quando não é mais possível reverter o quadro.

Sinais e sintomas

Em 90% dos casos não há qualquer sintoma da doença. Em poucas pessoas podem surgir dores de cabeça, sensibilidade à luz, vermelhidão nos olhos, lacrimejamento e enjoos que não são manifestações exclusivas do glaucoma e podem, portanto, adiar ainda mais o diagnóstico.

Fatores de Risco

Idade, diabetes, hipertensão arterial, miopia acima de seis graus, glaucoma na família e ser afrodescente são os principais fatores de risco para desenvolver o glaucoma.

A idade é um fator de risco importante para o glaucoma, quanto mais velho você fica, mais chance tem de ter a doença. Para se ter uma ideia, a prevalência de glaucoma em pessoas entre 40 e 50 anos é de 2%.

Os afrodescendentes têm uma chance quatro vezes maior de desenvolver o glaucoma. Um dos motivos é o formato da córnea, que é ligeiramente mais fina quando comparada a de pessoas de outras etnias.

A hereditariedade é outro fator importante, já que 20% dos portadores de glaucoma têm parentes com a doença.

Tipos de glaucoma

O glaucoma tem vários tipos, como o congênito, que se desenvolve nas primeiras semanas de vida; o glaucoma infantil, que embora seja congênito surge um pouco mais tarde; o glaucoma juvenil que se manifesta em jovens adultos, o glaucoma crônico primário de ângulo aberto; glaucoma primário de ângulo fechado e o glaucoma secundário, que é causado por lesões ou cirurgias oculares.

Diagnóstico e tratamento

A partir dos 35 anos, é fundamental realizar visitas periódicas ao oftalmologista para medir a pressão intraocular. O exame para medir a pressão dos olhos é simples, rápido e indolor. Quando a doença é diagnosticada é preciso fazer um acompanhamento regular, além de usar medicamentos, como colírios. Em alguns casos é preciso realizar cirurgias para impedir a perda ainda maior da visão. A chave para controlar o glaucoma é manter a pressão intraocular sob controle.

Posted in:

Blog

Caso queira mais informações a respeito deste exame utilize o espaço abaixo:

Facebook

Instagram

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No feed found.

Please go to the Instagram Feed settings page to create a feed.

Desenvolvido por &
WhatsApp
x
Utilizamos ferramentas e serviços de terceiros que utilizam cookies. Essas ferramentas nos ajudam a oferecer uma melhor experiência de navegação no site. Ao clicar no botão “Aceitar” ou continuar a visualizar nosso site, você concorda com o uso de cookies em nosso site. Aceitar