Entenda o que é alta miopia

Quando a miopia apresenta valores elevados acima dos 6 graus, é considerada alta miopia, ou seja, miopia degenerativa ou patológica.

Esse tipo de distúrbio é uma forma rara e mais grave da miopia estando associado a alterações retinianas que podem originar perdas severas de visão.

A causa da alta miopia ainda é desconhecida, mas acredita-se que o problema tenha relação com a alteração no colágeno que provoca o aumento do comprimento do olho, e por consequência, a miopia. Essa alteração tem origem genética e também pode estar relacionada aos hábitos do indivíduo.

Qualquer pessoa pode desenvolver a alta miopia, porém o distúrbio é mais propenso a surgir em mulheres do que nos homens, e geralmente, na infância ou adolescência. O grau da alta miopia é progressivo e pode atingir valores por volta de 15 ou 20 graus.

Cuidados

Qualquer paciente com miopia elevada está sujeito a riscos maiores de desenvolverem outros problemas oculares, como glaucoma, catarata e membrana neovascular.

Por isso, é muito importante que sejam feitas avaliações regulares para detectar qualquer anormalidade ou evolução das alterações já existentes. A realização dos seguintes exames é fundamental: Acuidade Visual, Biomicroscopia, Retinografia, Angiografia Fluoresceínica, Campimetria e OCT (Tomografia de Coerência óptica).

Ainda não existe uma forma de impedir que o grau da alta miopia avance, por isso são necessários o uso de óculos ou lentes de contato para que a pessoa possa enxergar normalmente. Existem as cirurgias refrativas (LASIK) para corrigir a miopia, no entanto, esse método pode ser arriscado para pacientes com grau acima de 7.

Posted in:

Blog

Caso queira mais informações a respeito deste exame utilize o espaço abaixo:

Facebook

Instagram

Desenvolvido por &
WhatsApp